terça-feira, 20 de junho de 2017

EMPRESÁRIOS E MOTORISTA DE ALTERNATIVO SÃO PRESOS SUSPEITOS DE GOLPES CONTRA IDOSOS

PB-Policia.

Operação deflagrada pela Polícia Civil prendeu supostos membros de quadrilha interestadual na Paraíba e no Rio Grande do Norte
 Portal Correio
Três pessoas suspeitas de participarem de uma quadrilha voltada para estelionato contra pessoas idosas foram presas na manhã desta terça-feira (20) na Operação Signa, deflagrada pela Polícia Civil. As prisões aconteceram nas cidades de Rio Tinto, Guarabira e Parnamirim, no Rio Grande do Norte.

Segundo o delegado Lucas Sá, da Delegacia de Defraudações e Falsificações em João Pessoa, a quadrilha investigada é especialista no ‘golpe da troca do cartão’. Veículos, armas de fogo e dezenas de cartões de vítimas foram apreendidos com os presos. A estimativa da polícia é de que a quadrilha atua a seis anos, contabilizando prejuízo superior a R$ 2 milhões.

O líder da quadrilha, um empresário de 39 anos, foi preso em Parnamirim. Ele possui antecedentes criminais por estelionato, porte ilegal de armas e organização criminosa. Outro empresário, primo do líder, foi preso em Rio Tinto. Ele tem 32 anos e já foi preso em vários estados por estelionato. Já em Guarabira, o suspeito é um motorista de transporte alternativo de 39 anos, que foi preso duas vezes também pelo crime de estelionato.

Até a publicação desta matéria, a Polícia Civil não tinha divulgado mais detalhes da operação.

Postar um comentário