terça-feira, 11 de julho de 2017

RIO GRANDE DO NORTE; Concurso para mil vagas na PM não tem data para sair.

RN-Policia.

/index.php?option=com_content&view=article&id=20957&catid=54&Itemid=52

A realização de um novo concurso para a Polícia Militar do Rio Grande do Norte ainda está sem data definida para acontecer. O edital deveria ter sido publicado no mês de junho, mas a intenção do Governo Estadual em ampliar a oferta do número de vagas de 600 para 1.000 gerou novas demandas de ordem burocrática: está em curso, no Comando da PMRN, estudo para atestar a necessidade de pessoal e verificar tanto a viabilidade financeira, quanto a capacidade de dotação orçamentária e se a proposta cumpre a Lei de Responsabilidade Fiscal.
Também será feito um levantamento para identificar por quais motivos se deu o desfalque do atual efetivo. A Secretaria Estadual da Administração e dos Recursos Humanos (Searh), órgão responsável pela autorização para abertura de novos concursos, quer quantificar os policiais foram para a reserva (se aposentaram) na última década, quantos foram exonerados, transferidos e/ou morreram.
“Precisamos muito desse concurso, a necessidade de recursos humanos é urgente dentro do Polícia Militar do RN. Temos que partir para formação de novos policiais o quanto antes”, assegurou o Tenente Coronel Júlio César Vilela, assessor de comunicação da PMRN. Vilela explicou que após as demandas serem atendidas, o processo segue para a Searh que se encarrega pela publicação do edital do novo concurso.
Questionado se seria mais interessante ter mantido o cronograma inicial do concurso da PMRN para provimento das 600 vagas, para depois ser complementado, Vilela foi enfático: “A Polícia Militar não tem preferência pela forma como o concurso será realizado, o importante nesse momento é abrir o edital o mais breve possível. Vamos aplaudir do mesmo jeito se entrar 600 novos policiais agora, para depois fazer outro concurso ou criar um cadastro de reserva”.
      Da Tribuna do Norte

Postar um comentário