domingo, 10 de setembro de 2017

EM ROMA; Papa Francisco beatifica mártires colombianos vítimas da guerra.

                RM-Internacionais.

O
 papa Francisco beatificou, na manhã desta sexta-feira (8), em Villavicencio, capital do Departamento de Meta, dois mártires colombianas vítimas da violência no país nas últimas décadas.
A cerimônia foi assistida por mais de 400 mil pessoas. Como em Bogotá, o papa fez um sermão enfatizando a necessidade de “abandonar as trevas do desejo de vingança”, da qual se alimentam aqueles que são contrários aos acordos de paz com as guerrilhas.

De cada lado do pontífice, durante o sermão, estavam quadros com as imagens dos dois mártires celebrados neste dia. Um dos beatificados foi o bispo Jesus Emilio Caramelo, assassinado em 1989 por integrantes da guerrilha ELN (Exército de Liberação Nacional), com quem o Estado colombiano vem negociando um acordo de paz.

O outro é Pedro Maria Ramírez, que foi morto enquanto visitava doentes num hospital quando explodiu o chamado “Bogotá”, revolta popular motivada pelo assassinato do líder político Jorge Eliecer Gaitán, em 1948, inaugurando um longo período de enfrentamentos chamado de “La Violência”.