sexta-feira, 27 de outubro de 2017

RO-POLICIA.
Um menino de 9 anos causou pânico em uma escola após pegar uma arma de brinquedo e ameaçar atirar contra 22 alunos nesta sexta-feira (27), dentro da sala de aula, em Porto Velho. Segundo informações da Polícia Militar (PM), a arma levada pelo criança parecia verdadeira e por isso deixou todos estudantes e professores assustados.
Em entrevista ao repórter Cícero Moura, da Rede Amazônica, a professora da Escola Estadual Elenilson Negreiros contou que vários alunos começaram a gritar de medo e alguns tentaram fugir da sala.
Segundo a professora, o estudante pegou a arma na bolsa quando ela tinha saído para ir até a secretaria. O desespero foi maior porque todos alunos lembraram do ataque em uma escola de Goiânia. Na ocasião, dois estudantes morreram após serem baleados por colega de sala.
"Eu fiquei com medo daquilo tudo se repetir de novo, dentro da sala de aula. Foi horrível", contou a educadora, que preferiu não se identificar.
Por causa da confusão dentro da sala, a PM foi chamada até a escola. Na ocasião, a polícia enviou um aparato diferenciado para atender a ocorrência.
"Neste tipo de situação a gente tem um cuidado grande, pois tinha vida de crianças envolvidas", afirma o capitão Renato Suffi, da PM.
Após a equipe da PM especializada chegar no local, foi constatado que a arma era de brinquedo e que o estudante tinha pegado o objeto em casa.

O Conselho Tutelar foi chamado e o aluno encaminhado à unidade, acompanhado dos pais.
Postar um comentário