quarta-feira, 22 de novembro de 2017

NO RIO GRANDE DO NORTE; Operação investiga participação de servidores públicos em crimes dentro do sistema prisional.

RN-POLICIA

Operação 'Queijo Suíço' investiga envolvimento de servidores públicos do estado em fugas de presídios (Foto: Sejuc/Divulgação)
Servidores públicos que atuam no sistema prisional potiguar estão envolvidos com crimes praticados dentro do próprio sistema. A afirmação é da Polícia Civil do Rio Grande do Norte, que na manhã desta quarta-feira (22), em conjunto com o Ministério Público, realizou uma operação batizada de ‘Queijo Suíço’.
A
 denominação é uma alusão às constantes fugas que ocorrem nos presídios do estado, principalmente por meio de túneis – o que deixa o subsolo das unidades esburacados, parecendo um queijo suíço.
O resultado da operação, no entanto, só será revelado em coletiva de imprensa que acontece no final desta manhã no prédio da Academia de Polícia (Acadepol), localizado na área onde fica a Delegacia Geral de Polícia Civil (Degepol), em Natal.
A operação, ainda de acordo com a Polícia Civil, é fruto de uma ação conjunta do Núcleo Especial de Investigação Criminal (NEIC) com apoio técnico do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) e suporte da Secretaria Estadual de Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed).
 Fonte: G1 RN
Postar um comentário