sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

EM EMAÚS; Polícia Civil prende liderança do Sindicato do RN

RN-policia.
Fonte: PC/Assecom
Uma investigação da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR) resultou na prisão em flagrante de Cláudio Henrique Rodrigues Pedrosa, 22 anos, que possui parte da perna esquerda amputada, e de Yranapian Allan Gomes da Silva, 30 anos, na tarde desta quinta-feira (30). De acordo com investigações da Deicor, Cláudio Pedrosa exercia papel de liderança da facção criminosa Sindicato do RN no bairro de Emaús, e Yranapian Allan era um dos distribuidores de droga de Cláudio.
Com Cláudio Henrique os policiais apreenderam 57 saquinhos com cocaína; tabletes com a droga; duas pistolas calibre 45, sendo uma delas um simulacro; 40 munições calibre 45; um colete à prova de balas; duas lanternas; um rádio comunicador; uma balança de precisão; um cofre e uma faca de caça. No apartamento dele, a Deicor apreendeu um veículo modelo Vectra de cor verde, o qual estava sendo usado por Yranapian.
“Cláudio Henrique responderá pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico, e porte ilegal de arma de fogo de uso restrito. Além disso, nós acreditamos que ele é o homem que atirou em um policial civil no dia 21 de novembro, no bairro de Emaús. Nossas investigações também apontam que ele é suspeito pelo homicídio de Diego do Nascimento Santos, morto em Macaíba e que também teria sequestrado um jovem em Emaús”, detalhou o diretor da Deicor, delegado Odilon Teodósio.
No carro que estava com Yranapian Allan, um veículo Corolla de cor branca os policiais encontram porções de cocaína. “Yranapian Allan é parceiro de Cláudio Henrique e atuava na distribuição dos entorpecentes. Ele será autuado pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico”, comentou o diretor da Deicor.
 


Postar um comentário