quinta-feira, 1 de março de 2018

PROFESSOR DE HISTÓRIA É ACHADO MORTO COM 31 FACADAS, NA PARAÍBA.


PB-policia.
Segundo a polícia, vítima teria saído no domingo e por não ter dado mais notícias, a famílias acionou as buscas; corpo foi achado na segunda em área rural
O professor e historiador Walingre Silva foi achado morto, no fim da tarde dessa segunda-feira (26), em Pedras de Fogo, no Litoral Sul da Paraíba. Segundo a polícia, a vítima teria sido morta com 31 facadas.
A polícia informou à TV Correio que a vítima saiu de casa no domingo (25) à noite e não deu mais notícias. Familiares e amigos desconfiaram do caso e acionaram a polícia. Após buscas, o corpo foi achado em uma área rural de Pedras de Fogo.
Walingre era natural de Itambé (PE) e trabalhava como professor de uma escola estadual de Pedras de Fogo, onde ele é velado nesta terça (27).
Até o fechamento desta matéria, a polícia não tinha informações sobre suspeitos ou motivos do crime.
Portal Correio
Postar um comentário