quarta-feira, 18 de julho de 2018

FOI PUBLICADA NA SEXTA-FEIRA PASSADA (13), A LEI 13.696/18, QUE INSTITUI A POLÍTICA NACIONAL DE LEITURA E ESCRITA.


DF-educação 

Com informações da Agência Senado
A política terá como diretrizes a universalização do direito ao acesso ao livro, à leitura, à escrita, à literatura e às bibliotecas. A proposta (PL 7752/17), de autoria do Senado, foi aprovada pela Câmara em maio.
 A leitura e a escrita são habilidades imprescindíveis para uma educação de qualidade, emancipadora, que permita aos cidadãos buscarem sua independência intelectual.
As metas e ações definidas pela nova política serão implementadas pelos ministérios, em cooperação com os estados, o Distrito Federal e os municípios e com a participação da sociedade civil e de instituições privadas.
Com leitura são formados cidadãos mais críticos, autônomos e mais bem qualificados; são construídas organizações e instituições mais eficientes e inovadoras.
Com informações da Agência Senado