sábado, 11 de agosto de 2018

CRIANÇA DE 7 ANOS MORRE APÓS PISAR EM UMA ÁGUA-VIVA


Internacional-geral.
“Mamãe, me ajude!”, foram as palavras finais da criança que morreu após pisar na água-viva
Pequena Gaia Trimarchi morreu durante férias com a família depois de pisar em uma água-viva. (Foto: Viral Press)
A jovem italiana Gaia Trimarchi, de 7 anos, estava catando conchinhas na praia da ilha Sabitang, nas Filipinas, quando pisou em uma água-viva e morreu após ter uma reação alérgica agressiva.
De acordo com informações publicadas pelo site The Mirror, ela estava atravessando a água rasa no último dia de viagem quando se enroscou nos tentáculos assassinos de uma água-viva-caixa, um dos animais mais mortiferos do mundo. As trágicas palavras finais de Gaia para sua mãe Manette foram: "Eu nunca mais vou para a praia. O que vai acontecer comigo? Mamãe, me ajude."
Manette e seus parentes correram para um barco local pedindo ajuda, mas, apesar da presença conhecida de águas-vivas na área, não havia nenhum equipamento de primeiros socorros a bordo
Gaia foi declarado morta na chegada ao Hospital Municipal de Caramoan cerca de uma hora depois, após sofrer uma reação alérgica grave e agressiva. "Ficamos todos confusos e chocados quando a ouvimos de repente gritar de dor. "Nenhum estabelecimento no local, nem mesmo o guia turístico, tem um kit de primeiros socorros. Eles até nos culpavam por não trazer vinagre”, disse a mãe.
Gaia, que tem uma mãe filipina e pai italiano, ganhou dezenas de competições de natação e medalhas de ouro na Itália. Sua mãe disse que suas coxas já estavam ‘violetas’ no momento em que elas correram para ela na praia.
Além da falta de apoio em primeiros socorros, o hospital mais próximo da praia leva pelo menos 40 minutos, com duas transferências de moto e barco.
A prima de Gaia escreveu on-line