sexta-feira, 10 de agosto de 2018

ELEIÇÃO PROPORCIONAL DEVERÁ TER 423 CANDIDATOS NO RN


Fonte: Tribuna do Norte
RN-POLITICA.
Entre os 35 partidos legalmente constituídos, 34 estão encaminhando pedidos de registros de candidatos majoritários e proporcionais ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) até o dia 15 deste mês, a fim de concorrerem ao primeiro turno das eleições, em 7 de outubro. As convenções homologaram 423 candidatos, nas eleições deste ano, contra 375 em 2014. Com isso, serão 48 candidatos a mais para a Câmara dos Deputados e Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. Isso significa que haverá um aumento de 12,8% na quantidade de candidatos na eleição proporcional.
Tribunal Regional Eleitoral vai julgar os pedidos de registro das candidaturas proporcionais
Desses partidos, apenas dois partidos políticos (Novo e PCO) não concorrem, isoladamente ou em coligação, aos pleitos de governador do Estado e senador da República, mas todos os outros 32 lançaram candidatos para a disputa de oito cadeiras na Câmara dos Deputados e de 24 na Assembleia Legislativa.
De acordo com as atas encaminhadas à Secretaria Judiciária do TRE, os partidos oficializaram 120 candidatos a deputado federal e 303 a deputado estadual.
De acordo com relatório do TSE das eleições de 2014, cem candidatos concorreram à Câmara dos Deputados, enquanto para a Assembleia Legislativa foram 275 candidatos, este ano são 28 a mais que em 2014 na Assembleia e 20 a mais para a Câmara dos Deputados.
Segundo a listagem de candidados apresentada ao TRE, os partidos com maior número de candidaturas a deputado federal, com 12, são PSOL , PRTB e Patriotas, seguido do Solidariedade, com 11.
Para a eleição de deputado estadual, os partidos com mais candidatos são o Solidariedade, 37; PSOL, 31; PRB, 25; Avante, 20; PT, 19; PC do B, 18; PSL, 16; dc, 14; PMB, 13; PSC e PSD, 12 e PHS, dez.
Partidos que tradicionalmente tinham potencial eleitoral diante dos chamados “nanicos”, aparece com um candidato a deputado federal, como o DEM, que lançou o senador José Agripino e para deputado estadual tem quatro candidatos, a exemplo do PMDB.
Dentre os 423 candidatos ao pleito proporcional, até ontem os partidos só tinham encaminhados pedidos de registros de 69 candidatos, dos quais 21 são postulantes à Câmara dos Deputados e 48 postulam uma vanga na Assembleia Legislativa.
O prazo para pedidos de registros de candidaturas por partidos políticos se expira no dia 15, mas aquele candidato, que por ventura perder o prazo de inscrição por omissão partidária ou outra motivação, poderão encaminhar o pedido de registro de candidato até o dia 20, segundo a legislação eleitoral.
Quantitativo de candidatos proporcionais por partidos
Deputado Federal,12 candidatos  PSOL, Patriotas e PRTB, 11 candidatos  Solidarieda
De 6 candidatos PC do B, 5 candidatos  Avante, Novo e PT 4 candidatos  MDB, PHS, PODE, PPL e PDT , 3 candidatos PMB, PP e PSD, 2 candidatos PSC, PTC, PRB, PPS, PSDB, PTB e PROS   candidato PSL, PV, DC, PMN, PR, DEM, PCO, PSB e PSTU
Deputado Estadual, 37 candidatos  Solidariedade,31 candidatos  PSOL, 25 candidatos  PRB
20 candidatos  Avante, 19 candidatos  PT,18 candidatos  PC do B, 16 candidatos PSL, 14 candidatos DC,13 candidatos PMB,12 candidatos PSC e PSD,11 candidatos PV,.10 candidatos PHS, 9 candidatos PSDB e PSB. 6 candidatos Patriota e Podemos, 5 candidatos MDB, PTC, PR, PP e PRTB 4 candidatos DEM e PDT, 3 candidatos PPL, 2 candidatos PTB, PRP, PMN, PSTU,                               1 candidato PPS, PROS e PCO
Fonte – Partidos Políticos