terça-feira, 11 de setembro de 2018

EX-GOVERNADOR DO PARANÁ, BETO RICHA É PRESO


Fonte-o blobo

PR-policial

O ex-governador do Paraná Beto Richa (PSDB) foi preso nesta terça-feira, em Curitiba, em novas ações da Operação Lava-Jato e do Ministério Público do estado. A mulher do tucano, Fernanda Richa, e seu ex-chefe de gabinete no estado Deonlison Roldo, também foram detidos.
Candidato ao Senado pelo PSDB no Paraná, Richa foi alvo de duas operações nesta terça-feira. Como parte da 53ª Fase da Operação Lava-Jato, que investiga o suposto pagamento de propina da Odebrecht em obras viárias do Paraná, policiais federais cumpriram um mandado de busca e apreensão no apartamento do ex-governador. Já a prisão foi autorizada pela Justiça estadual, a pedido de promotores do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do MP-PR. Esta segunda investigação atinge um programa estadual de manutenção de estradas rurais.
A Polícia Federal deflagrou a 53ª fase da Operação Lava-Jato nesta terça-feira em três estados do país. Cerca de 180 agentes federais cumprem 36 ordens judiciais em Salvador (Bahia), São Paulo (SP), Lupianópolis (PR), Colombo (PR) e Curitiba (PR). A nova fase foi batizada de "Operação Piloto" - referência ao codinome de Richa na lista de propinas do Grupo Odebrecht.
Na Lava-Jato, os agentes cumprem três mandados de prisão - dois de prisão preventiva e um de prisão temporária. Há ainda 33 mandados de busca e apreensão, 28 só na capital paranaense.
O objetivo da investigação é apurar um suposto pagamento milionário de vantagem indevida, em 2014, pelo Setor de Operações Estruturadas do Grupo Odebrecht em favor de agentes públicos e privados do Paraná. A contrapartida seria um possível direcionamento do processo de licitação para duplicação, manutenção e operação da rodovia estadual PR-323.
Segundo a PF, as condutas investigadas podem configurar os delitos de corrupção ativa e passiva, fraude à licitação e lavagem de dinheiro. Os presos serão conduzidos à Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba.