99.5FM Currais Novos - RN

segunda-feira, 8 de abril de 2019

POLÍCIA APREENDE ADOLESCENTE SUSPEITO DA MORTE DE DOIS PMS NO RN



RN-POLICIA-A polícia apreendeu um adolescente acusado de executar dois policiais militares. Ele é suspeito de ter matado os policiais João Maria Figueiredo da Silva, integrante do Policiais Antifascismo, e Helton Cabral da Silva, sargento reformado em 2018.
 
Por volta das 12h30 do sábado (6), policiais da Rocam e do 11º Batalhão prenderam dois adultos e apreenderam dois adolescentes em uma casa na Rua das Araras, bairro Novo Santo Antônio, município de São Gonçalo do Amarante, Região Metropolitana de Natal. De acordo com a PM, a quadrilha é suspeita de realizar inúmeros roubos a motocicletas, automóveis e pessoas.

Segundo informações de testemunhas à polícia, os quatro criminosos costumavam usar de violência nos assaltos. Eles também são suspeitos de terem assassinado os policiais militares Figueiredo, na região próxima ao Guajirú, município de São Gonçalo do Amarante, e o militar reformado Helton, nas proximidades do condomínio Rui Pereira, município de São Gonçalo do Amarante.

No assassinato do PM Helton, um comerciante também foi morto.Durante a prisão foram apreendidas uma arma artesanal, de calibre 12, um simulacro de pistola, balaclava, vários documentos e cartões pessoais de prováveis vítimas de roubo. Também foi apreendida uma motocicleta Honda Fan, cor preta e placa NNO-1233, possivelmente roubada e utilizada na prática dos crimes, além de capacetes. Os adultos detidos foram identificados como Fábio Campos do Nascimento , 20 anos e Ezequiel de Souza da Cruz , 22 anos.

Crimes

Sargento da reserva assassinado O sargento da reserva Helton Cabral da Silva, de 42 anos, foi morto a tiros em São Gonçalo do Amarante, na Região Metropolitana de Natal, em 8 de abril de 2018. O crime aconteceu durante a madrugada. Ele estava em uma cigarreira, do comerciante Flavioano Martins da Silva, 32 anos, de quem era amigo. Os dois foram executados no conjunto Ruy Pereira. Foi o 10º PM assassinado em 2018.
Morte do Cabo Figueiredo
Figueiredo foi assassinado no dia 21 de dezembro de 2018 quando passava por uma estrada de barro que em São Gonçalo do Amarante. Ele foi atingido por pelo menos cinco tiros. O cabo da Polícia Militar foi o 26º agente de segurança morto no Rio Grande do Norte em 2018. Seu corpo só foi encontrado algumas horas após o crime. E sua identidade só foi revelada após a retirada do capacete que ele usava.
O crime chamou a atenção da sociedade porque Figueiredo recentemente trabalhou como segurança da governadora eleita, a senadora Fátima Bezerra (PT). Além disso, ele era defensor dos direitos humanos e um dos fundadores do Movimento Policiais Antifascismo.
Fonte: OP9RN


Nenhum comentário: