99.5FM Currais Novos - RN

sexta-feira, 28 de junho de 2019

GOVERNO DESCARTA REAJUSTES E ANUNCIA CALENDÁRIO ATÉ SETEMBRO

RN-POLITICA. - O governo do Rio Grande do Norte anunciou, durante reunião do Fórum dos Servidores Estaduais, na tarde desta quinta-feira (27), o calendário de pagamento do salário dos próximos três meses. Não há previsão, no entanto, para qualquer reajuste no salário dos servidores e pagamento dos salários atrasados. As medidas geraram revolta entre sindicatos.
Resultado de imagem para GOVERNO DESCARTA REAJUSTES E ANUNCIA CALENDÁRIO ATÉ SETEMBRO 
No dia 15 de julho receberá quem ganha até R$ 3 mil bruto; no dia 31 receberão os demais servidores. Em agosto o pagamento de quem ganha até R$ 3 mil ocorrerá no dia 15. Em 30 de agosto receberão os que ganham acima desse teto. Em setembro o primeiro pagamento será feito em 16 de setembro, para quem ganha até R$ 3 mil bruto e no dia 30 receberão os demais servidores. Todos os servidores da segurança continuarão recebendo no dia 15.

Até o mês passado, recebia no dia 15 quem ganha até R$ 5 mil ou R$ 6 mil. A redução para R$ 3 mil, segundo o chefe de Gabinete Civil do governo, Raimundo Alves, ocorre em função da queda na arrecadação.

Para a segunda metade de julho, o governo também anunciou que fará o pagamento dos consignados, em parceria com o Banco do Brasil. A medida foi criticada pelos sindicalistas. A presidente do Sinsp-RN, Janeayre Souto, frisou que “esse anúncio não resolve o problema do servidor, que continuará endividado”, disse.

O presidente do Sinai, Santino Arruda, criticou a falta de reajuste e não descarta a deflagração de uma greve geral. “Faremos em julho nove anos sem reajuste, é inaceitável que os procuradores tenham um reajuste de 16% e o restante dos servidores continuem nessa situação”, reclamou o sindicalista.
Tribuna do Norte


Nenhum comentário:

Postar um comentário

É livre o direito de pensamentos, todos nós temos o direito de expressar nossas ideias e pensamentos deste que respeitando o direito e a moral dos demais.

Lembrando que a responsabilidade dos Comentários e de quem posta.

Chagas Silva