99.5FM Currais Novos - RN

terça-feira, 9 de julho de 2019

VÍDEO: POLÍCIA IDENTIFICA PISTOLEIRO ACUSADO DE MATAR DUAS PESSOAS E BALEAR OUTRAS DUAS DURANTE EVENTO EM LUIZ GOMES/RN


RN-POLICIAL. - A Polícia identificou o pistoleiro que matou dois, deixou outras duas pessoas baleadas minutos antes do show de Leo Magalhães, na Praça Central da cidade de Luiz Gomes.

O ataque aconteceu por vota das 23h45, quando a praça estava lotada. Os dois atiradores abriram fogo em duas pessoas que estavam na calçada de casa aguardando o show.
Na ocasião morreram Rodolfo Jaime Pinheiro Ferreira, de 31 anos, que é conhecido por Jaime Neto de Maurina, e Franciélio Luis dos Santos, de 34 anos. Eram os alvos dos atiradores.
Uma senhora que estava sentada com os dois na calçada foi atingida de raspão no braço. Um cidadão de nome Aldivan, que ia passando em frente, sofreu um tiro no joelho.
Os atiradores, possivelmente pistoleiros, tentaram fugir se misturando a multidão, no entanto a Polícia Militar conseguiu prender Erinaldo Gomes da Silva, o Chapado, de 37 anos.
O comandante de policiamento regional I, coronel Alvibá Gomes, estava pessoalmente organizando a segurança do evento, junto com o capitão Júlio César e o subtenente Gentil.
Ao todo, mais de 40 homens da Policia Militar estava patrulhando a cidade durante o evento.
 
Na ocasião da abordagem, Chapado tentou escapar da PM e foi contido com um tiro e conduzido preso para Pau dos Ferros. Após ser medicado, foi autuado em flagrante.
O outro possível pistoleiro conseguiu se misturar a multidão e escapar do cerco policial, que continua na região do Alto Oeste agora com a parceria com a Polícia da Paraíba.
E foi em parceria com a Polícia da Paraíba, que a Polícia do RN identificou o nome verdadeiro de Erinaldo Gomes da Silva, o Chapado. Ele se apresentou como sendo Clovis da Silva Santos.
Confira agora o primeiro depoimento de Erinaldo Chapado tentando enganar o subtenente Gentil, dizendo se chamar Clovis, ainda na ambulância a caminho de Pau dos Ferros.

                            Click aqui e Mais informações »
O Chapado tem tatuagens de presídios e inclusive uma de palhaço, que no submundo do crime significa que o criminoso preso se intitula como matador de policial.
Os policiais acreditam que o plano dos pistoleiros era matar Jaime e Franciélio, causar o pânico na festa e fugir se misturando a multidão. Só que a PM agiu rápido e conseguiu prender um.
Erinaldo Chapado nasceu no dia 1º de janeiro de 1983 na cidade de Campina Grande. Atualmente é albergado (mora) na cidade de Sousa, na Paraíba.
Ao ser pergunta sobre as razões pelas quais matou Jaime e Franciélio, Erinaldo Chapado disse que eram inimigos. Esta explicação não convenceu. Acredita-se em crime de pistolagem.
Durante o pânico gerado pelos tiros na praça pública lotada, várias pessoas foram pisoteadas, principalmente crianças e alguns idosos. Foram atendidos no hospital local.
O ataque deve ser investigado pela Delegacia Regional de Pau dos Ferros possivelmente em parceria com a Delegacia de Polícia Civil de Marcelino Vieira.
Aniversário
O município de Luis Gomes está comemorando 129 anos de emancipação política e administrativa com uma série de eventos culturais, chamado Fenacult.
Os festejos seriam encerrados na noite deste dia 5, com o show de Leo Magalhães em praça pública. Minutos antes do artista começar a cantar, aconteceram os tiros e o tumulto generalizado.
A festa foi cancelada. Deve ser realizada em outra data.

*Mossoró Hoje

Nenhum comentário: