99.5FM Currais Novos - RN

sábado, 12 de outubro de 2019

IBGE INCLUI 56 ITENS NO CÁLCULO DA INFLAÇÃO


BR-ECONOMIA
Passageiros formam fila no Terminal Santana, durante a paralisação dos motoristas e cobradores de ônibus na capital paulista
Passageiros formam fila no Terminal Santana, durante a paralisação dos motoristas e cobradores de ônibus na capital paulista
Os gastos com transportes passam a ser, a partir de janeiro do ano que vem, o principal componente do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que mede a inflação oficial. Pela primeira vez, o grupo ultrapassa as despesas com alimentação e bebidas, que eram o principal componente do IPCA.
A mudança do cálculo do IPCA será feita devido à divulgação, na semana passada, da Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) 2017-2018, a qual avalia o peso de cada gasto dentro do orçamento das famílias brasileiras. Atualmente, o cálculo do IPCA é feito com base na POF 2008-2009.
Os alimentos, que respondiam por 22,1% do IPCA passarão a representar 19%. Já os transportes, que correspondiam a 22% passam a compor 20,8% do índice.

Nenhum comentário: