99.5FM Currais Novos - RN

quinta-feira, 14 de novembro de 2019

GRUPO É RESGATADO DE TRABALHO ANÁLOGO À ESCRAVIDÃO NO INTERIOR DO RN


RN-POLICIAL.
Um grupo de 14 trabalhadores foi resgatado após uma ação de auditores fiscais da Secretaria do Trabalho, do Ministério da Economia. Eles desenvolviam atividades análogas à escravidão em fazendas de extração da palha de carnaúba, no interior do RN.

Do total, dez trabalhadores estavam em uma área rural de Assu e outros quatro em Carnaubais, ambos municípios da região Oeste potiguar. De acordo com a coordenadora da ação, a auditora-fiscal do Trabalho Gislene Stacholski, os trabalhadores dormiam no mato durante a semana, em redes penduradas nas árvores, já que não havia alojamento.

Ainda segundo a ação, também não havia local adequado para o preparo e consumo dos alimentos para os trabalhadores. Em relação às condições sanitárias, os fiscais constataram que nenhum banheiro estava à disposição, o que obrigava o grupo a fazer necessidades fisiológicas em uma região de mata.

Os empregadores identificados como responsáveis diretos pela exploração das atividades foram notificados e quitaram as verbas salariais e rescisórias dos empregados resgatados, o que totalizou cerca de R$ 32,4 mil. O dano moral individual negociado pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) e Defensoria Pública da União (DPU) totalizou R$ 7,5 mil.

A fiscalização na atividade é decorrente de rastreamento e planejamento prévios realizados pelo Grupo Especial de Fiscalização Móvel (GEFM) da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia. Além dos fiscais do Trabalho, MPT, DPU e Polícia Federal contribuíram com a operação, que ocorreu entre 27 de outubro e 7 de novembro.

A carnaubeira é uma palmeira endêmica do semiárido nordestino. As palhas da planta servem para a produção artesanal de cestos e bolsas, adubação do solo e extração de cera. A cera de carnaúba é utilizada na fabricação de cosméticos, lubrificantes, cápsulas de remédios e outros insumos. A carnaubeira é uma das árvores-simbolo do RN, presente, inclusive, no brasão do estado.

OP9/RN

Nenhum comentário: