domingo, 16 de fevereiro de 2020

POLÍCIA CIVIL APREENDE OITO QUILOS DE MACONHA E MATERIAL ROUBADO EM NATAL


RN-POLÍCIA
A Polícia Civil apreendeu nesta sexta-feira (14) oito quilos de maconha prensada em duas casas na comunidade do Paço da Pátria, Zona Leste de Natal. Na ação, os policiais também encontraram material roubado. Ninguém foi preso.
 Denarc apreendeu maconha e material roubado no Paço da Pátria, em Natal — Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi
Os agentes da Delegacia Especializada de Narcóticos (Denarc) chegaram às drogas após uma denúncia anônima. Os investigadores se dirigiram até o local indicado e, na Travessa Crisântemo, identificaram duas casas abandonadas, onde estava a maconha.

Nos imóveis, foram apreendidos ainda um videogame, uma TV, relógios, perfumes, e tênis e sapatos encaixotados. O delegado Renê Lopes, que comandou a operação, acredita que tudo é fruto de roubos.

Ainda segundo o delegado, as equipes da Denarc escutaram fogos de artifício no momento em que entraram na comunidade, e ele afirma que pode ter sido um aviso para os ocupantes das duas residências deixarem os locais. As investigações apontam que a maconha aprendida seria vendida em prévias carnavalescas.

G1/RNA Polícia Civil apreendeu nesta sexta-feira (14) oito quilos de maconha prensada em duas casas na comunidade do Paço da Pátria, Zona Leste de Natal. Na ação, os policiais também encontraram material roubado. Ninguém foi preso.

Os agentes da Delegacia Especializada de Narcóticos (Denarc) chegaram às drogas após uma denúncia anônima. Os investigadores se dirigiram até o local indicado e, na Travessa Crisântemo, identificaram duas casas abandonadas, onde estava a maconha.

Nos imóveis, foram apreendidos ainda um videogame, uma TV, relógios, perfumes, e tênis e sapatos encaixotados. O delegado Renê Lopes, que comandou a operação, acredita que tudo é fruto de roubos.

Ainda segundo o delegado, as equipes da Denarc escutaram fogos de artifício no momento em que entraram na comunidade, e ele afirma que pode ter sido um aviso para os ocupantes das duas residências deixarem os locais. As investigações apontam que a maconha aprendida seria vendida em prévias carnavalescas.

G1/RN


Nenhum comentário:

Postar um comentário

É livre o direito de pensamentos, todos nós temos o direito de expressar nossas ideias e pensamentos deste que respeitando o direito e a moral dos demais.

Lembrando que a responsabilidade dos Comentários e de quem posta.

Chagas Silva

Postagem em destaque

CAMPINA GRANDE: MULHER INTERROMPE TRATAMENTO PARA COVID-19 E ‘FOGE’ DE HOSPITAL SEM RECOMENDAÇÃO MÉDICA

PB-SAÚDE.     Uma mulher de 71 anos decidiu interromper o tratamento que estava recebendo para a Covid-19 no Hospital Municipal Pedro I,...