quinta-feira, 30 de abril de 2020

POLÍCIA CIVIL DEFLAGRA MEGA OPERAÇÃO NAS MALVINAS EM MOSSORÓ, PRENDE 12 SUSPEITOS DE CRIMES E APREENDE ARMAS E DROGAS


RN-POLICIAL.
GTGTG
A Polícia Civil, através das delegacias de homicídios (DHM), Narcóticos (DENARC), Furtos e Roubos (DEFUR), Regional (DRPC) e da Delegacia de Assu, deflagrou nas primeiras horas desta manhã de quinta feira 30 de abril de 2020, uma mega operação com a finalidade de cumprir mandados de buscas e apreensão, expedidos pela justiça e prender elementos envolvidos com crimes.

A operação se concentrou no Conjunto Malvinas e segundo o delegado da Homicídios Dr. Leonardo Germano, que comandou a ação policial. o alvo foram indivíduos, envolvidos com facção criminosa. que atua naquela região e que vem praticando crimes de homicídios e tráfico de drogas. Durante a operação que teve início às 05h00min desta sexta feira, foram presas 12 pessoas suspeitas, entre homens e mulheres.

Armas, droga, balança de precisão, munições de diversos calibres, celulares e Rádio Comunicador, foram apreendidos nesta ação policial. Os presos e o material apreendido foram encaminhados para a Delegacia de Homicídios, onde serão realizados os procedimentos. Entre os presos na operação estão 9 homens e 3 mulheres.

Segundo o delegado Leonardo Germano, entre os presos há foragidos da justiça. Ainda não há nomes, uma vez que os procedimentos estão andamento. No final da ma nhã o delegado da Homicídios deverá convocar uma coletiva com a Imprensa para dar informações sobre a operação.

FIM DA LINHAavirus

Nenhum comentário:

Postar um comentário

É livre o direito de pensamentos, todos nós temos o direito de expressar nossas ideias e pensamentos deste que respeitando o direito e a moral dos demais.

Lembrando que a responsabilidade dos Comentários e de quem posta.

Chagas Silva

Postagem em destaque

BOLSONARO É “BURRO DEMAIS”, DIZ PREFEITO DE MANAUS

BR-POLITICA O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto (PSDB), criticou nesta segunda-feira (25) a postura do presidente Jair Bolsonaro di...