sábado, 25 de abril de 2020

SOCIÓLOGO FICA EM CASA COM CORPO DE SOGRO MORTO PELA COVID-19: ‘


BR-SAÚDE.
 Ivens Rodrigues da Costa e sua filha Ivaney Darling (Foto: Arquivo Pessoal)
“Começou a tratar em casa como se fosse uma gripe”, foi o que relatou o sociólogo Ângelo Tupinambá, de 39 anos, morador de Belém do Pará, ao contar que perdeu o sogro Ivens Rodrigues da Costa, de 69 anos para a Covid-19, no início da semana.
Ele contou a Marie Claire que Ivens trabalhava em uma construção ao lado de mais duas pessoas logo no início do isolamento. Sua família não aprovou, mas ele insistiu em continuar com a tarefa.
 “Eu falei para ele suspender essa obra e continuar quando terminar essa pandemia. Mas ele falou que como era só o ajudante, o mestre de obra e ele, ele ia ficar só no quarto e só o ajudante ia fazer os serviços por lá, eu achei que era inviável o plano. E assim foi”, disse.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

É livre o direito de pensamentos, todos nós temos o direito de expressar nossas ideias e pensamentos deste que respeitando o direito e a moral dos demais.

Lembrando que a responsabilidade dos Comentários e de quem posta.

Chagas Silva

Postagem em destaque

HOMEM FOI ATINGIDO POR DISPARO DE ARMA DE FOGO EM LAGOA NOVA.

RN-POLICIAL. Por volta de 02h20 da madrugada desta terça (26), deu entrada na unidade de saúde de Lagoa Nova, um cidadão identificado por ...