quarta-feira, 18 de novembro de 2020

CURRAIS NOVOS REGISTRA MAIS UM ÓBITO DE PESSOA SUSPEITA DE COVID-19

RN-SAÚDE


A Secretaria Municipal de Saúde, através da Vigilância Epidemiológica, confirma na tarde desta terça-feira (17), mais oito (08) novos casos, totalizando 944 casos de Covid19 e, infelizmente, o 21º óbito no município de Currais Novos.

Eis os novos casos:

O 937º caso, trata-se de paciente do sexo feminino, faixa etária entre 51 e 60 anos, diagnosticada via teste rápido;

O 938º caso, trata-se de paciente do sexo masculino, faixa etária entre 21 e 30 anos, diagnosticado via teste rápido;

O 939º caso, trata-se de paciente do sexo masculino, faixa etária entre 31 e 40 anos, diagnosticado via teste rápido;

O 940º caso, trata-se de paciente do sexo feminino, faixa etária entre 71 e 80 anos, diagnosticada via teste rápido;

O 941º caso, trata-se de paciente do sexo feminino, faixa etária entre 61 e 70 anos, diagnosticada via RT-PCR;

O 942º caso, trata-se de paciente do sexo masculino, faixa etária entre 21 e 30 anos, diagnosticado via RT-PCR;

O 943º caso, trata-se de paciente do sexo feminino, faixa etária entre 81 e 90 anos, diagnosticada via RT-PCR;

E o 944º caso, trata-se de paciente do sexo masculino, faixa etária entre 31 e 40 anos, diagnosticado via teste rápido.

O 21º óbito, trata-se de paciente do sexo feminino, faixa etária entre 81 e 90 anos. Estava internada na ala COVID do Hospital Regional Mariano Coelho e em seguida sendo transferida para um hospital da capital do estado. Com histórico de comorbidades preexistentes como hipertensão, diabetes, doenças renais e outras. Vindo a óbito na capital.

Os casos suspeitos e confirmados continuam sendo monitorados pelas equipes da Vigilância em Saúde do município e se encontram em isolamento domiciliar.

A Prefeitura de Currais Novos lamenta profundamente e externa as condolências a família da vítima.

MP DE SP CUMPRE MANDADOS DE PRISÃO CONTRA ADVOGADOS SUSPEITOS DE LEVAR INFORMAÇÕES A CHEFES DE FACÇÃO CRIMINOSA PRESOS.

SP-POLICIA.

O Ministério Público de São Paulo realiza nesta quarta-feira (18) uma operação contra advogados suspeitos de transmitir informações aos chefes do Primeiro Comando da Capital (PCC), facção que atua dentro e fora dos presídios do país, que estão isolados em presídios federais de segurança máxima.

 

Segundo MP, a ação tem como objetivo desarticular a célula jurídica do PCC. Oito defensores ligados à facção foram presos.

 

Ao todo, são cumpridos 13 mandados de prisão e 23 mandados de busca e apreensão, expedidos pelo juiz Ulisses Augusto Pascolati Júnior, da 2ª Vara Especializada em Crimes Tributários, Organização Criminosa e Lavagem de Bens e Valores.

 

A operação ocorre em São Paulo, Brasília, Rondônia e Rio Grande do Norte.

 

Investigação

De acordo com o MP, as investigações apontam que os advogados aproveitavam o contato com os presos para obter informações sobre ações criminosas que deveriam ser executadas por integrantes da facção que estão nas ruas.

 

Os defensores também transmitiam recados de criminosos que estão soltos para os chefes do PCC. Os advogados fazem parte de um “setor” apelidado de Sintonia dos Gravatas – grupo que defende os interesses jurídicos da organização criminosa.

 

Os promotores do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) descobriram ainda que o PCC se infiltrou em conjuntos habitacionais construídos pela Prefeitura de São Paulo e pelo governo do estado.

 

Os promotores identificaram dezenas de apartamentos que foram comprados pela facção e colocados em nome de laranjas ou de parentes dos presos.

 

Em alguns casos, o PCC assumiu as prestações dos reais proprietários dos imóveis. A cúpula da facção usa os apartamentos como uma espécie de benefício para aqueles integrantes que saíram da cadeia e não têm onde morar e também para parentes de presos.

 

As investigações foram realizadas com apoio do Departamento Penitenciário Nacional (DEPEN), Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT), o Ministério Público do Estado de Rondônia (MPRO) e o Ministério Público do Estado do Rio Grande do Norte (MPRN).

 

G1/RN



terça-feira, 17 de novembro de 2020

SALÁRIO MÍNIMO DEVE SUBIR MAIS EM 2021, PARA R$ 1.087,84

BR — NACIONAL

A Secretaria de Política Econômica (SPE) do Ministério da Economia informou nesta terça-feira (17) que elevou de 2,35% para 4,10% a estimativa de inflação de 2020 medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

 

O INPC baseia a correção anual do salário mínimo pelo governo. Se esse aumento previsto pelo governo se confirmar, e não houver mudança no cálculo, o reajuste do salário mínimo de 2021 também será maior do que o estimado anteriormente.

 

Atualmente, o salário mínimo está em R$ 1.045. Com a nova previsão para o INPC no acumulado de 2020, o valor subiria para R$ 1.087,84 no ano que vem. Esse valor está R$ 20,84 acima da última proposta oficial do governo para o salário mínimo em 2021, divulgada em agosto, de R$ 1.067.

 


CARNAÚBA DOS DANTAS: GILSON DANTAS E LUÍS EDUARDO ELEITOS COM 59,24% DOS VOTOS VÁLIDOS

RN-POLITICA.


Com 2.933 votos, uma maioria mais de 900 votos sobre a segunda colocada, o prefeito Gilson Dantas (MDB) e seu vice Luís Eduardo (MDB) foram reeleitos para o segundo mandato em Carnaúba dos Dantas. Gilson foi vereador e exerce seu primeiro mandato com grande aprovação popular. A reeleição do jovem prefeito entra para a história de Carnaúba dos Dantas ao lado do professor Luís.

 “Agradeço ao meu vice Luís Eduardo, pelo apoio em todas as horas, aos vereadores da coligação, pela luta diária e a cada família de Carnaúba dos Dantas, por terem acolhido nossas propostas e acreditado na continuidade do trabalho”, afirmou Gilson.

A reeleição para o segundo mandato confirmou as recentes pesquisas no município, onde seu nome despontava na liderança. A candidata Nana Medeiros foi derrotada nas urnas junto com o seu vice Araídson. Eles obtiveram 2.018 votos.

FUNDO DE POPULAÇÃO DA ONU OFERECE CURSO PARA “REVERBERAR A VOZ” DE MAIS DE 50 LIDERANÇAS QUE LUTAM CONTRA A VIOLÊNCIA BASEADA EM GÊNERO NO NORDESTE

  BR-INTERNACIONAL

 

Ministrado pela Universidade Livre Feminista (ULF) e com apoio da Embaixada da Noruega, o curso de advocacy virtual tem o objetivo de apresentar ferramentas e apontar caminhos sobre como se mobilizar online pelos direitos e a segurança das mulheres. Atividade faz parte de mobilizações que marcam o 25 de novembro, Dia Internacional do Combate à Violência contra a Mulher

 

Para as organizações da sociedade civil que trabalham pelos direitos humanos e, especialmente, pelos direitos das mulheres e população LGBTQI a pandemia da Covid-19 dificultou o trabalho de ativismo e mobilização. Pensando nisso, o Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) oferece, com apoio da Embaixada da Noruega, um curso de advocacy virtual para mais de 50 lideranças de organizações da sociedade civil do Nordeste que trabalham no enfrentamento à violência baseada em gênero, que poderão compartilhar experiências, trocar informações e aprender novas ferramentas. O curso será realizado entre 17 e 19 de novembro, com carga de 6 horas, pela Universidade Feminista Livre (UFL), e abordará os caminhos virtuais para seguir mobilizando a sociedade, monitorando as políticas públicas e também sobre como garantir a segurança digital ou virtual.

 

A atividade faz parte de um calendário de ações que marcam o 25 de novembro, Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra as Mulheres, e que serão realizadas em todo o Nordeste. O curso é uma entrega da Sala de Situação de Violência Baseada em Gênero: , um espaço seguro, criado pelo UNFPA, para a promoção de diálogo com a sociedade civil que monitora políticas públicas correlatas ao Plano de Ação da Conferência Internacional sobre População e Desenvolvimento, com ênfase na equidade de gênero, raça e etnia, para a prevenção e resposta à violência baseada em gênero. Ela foi instituída antes da pandemia e, com a chegada desta, tornou-se uma das principais ferramentas de intercâmbio e diálogo entre a sociedade civil, assim como promoção de diálogo com agentes estatais.

 

Embora seja difícil mensurar os impactos do confinamento em relação à violência baseada em gênero, a quarentena e o isolamento aumentam a pressão sobre as mulheres e, em muitos casos, as vítimas estão confinadas com seus agressores, sem conseguir buscar ajuda dos canais apropriados.

 

De acordo com os últimos dados apresentados na Sala de Situação pela Secretária de Políticas para as Mulheres da Bahia e representante do Consórcio Nordeste, Julieta Palmeira, o índice de denúncias sobre violências de gênero têm caído em vários estados do Nordeste, mas, por outro lado, o número de feminicídios tem subido, o que aponta para uma possível subnotificação e dificuldade de acessar serviços de denúncia. Na Bahia, por exemplo, o número de feminicídios em maio deste ano subiu 150% em comparação ao ano passado. Em Pernambuco, foram 17% feminicídios a mais no primeiro semestre deste ano, em comparação ao ano passado. Quase todos os estados, contudo, experimentaram redução parcial ou total no número de registros e denúncias.

 

“A ideia do curso de advocacy é empoderar e equipar lideranças que já trabalham pelo direito e a vida das mulheres e população LGBTQI+ na região, de forma que elas consigam se adaptar melhor ao período da pandemia e permanecer atuando. É fundamental que essas organizações continuem em diálogo com o setor público, ajudando a garantir que as políticas públicas sejam efetivas, que os serviços de proteção funcionem e que as mulheres tenham para quem e onde denunciar. Nós queremos reverberar a voz das mulheres que lutam por outras mulheres, de forma que elas saibam que ninguém está sozinha”, explica a representante do Fundo de População da ONU, Astrid Bant. 

 

Informações para imprensa

imprensa.brasil@unfpa.org

 

Fabiane Guimarães

Communications Assistant

Fundo de População das Nações Unidas - UNFPA

Tel: + 55 (61) 30389268

Site / Twitter / Facebook / Instagram / Youtube

COMPARADO A 2016 O PSDB TRIPLICA O NÚMERO DE PREFEITOS ELEITOS NO RN

   RN-POLITICA.

Articulações do presidente Ezequiel Ferreira e deputados deixa legenda fortalecida em todas regiões do Estado administrando o maior número de eleitores potiguares


O PSDB triplicou o número de prefeitos que foram eleitos no Rio Grande do Norte passando 10 eleitos em 2016 para 31 em 2020, num crescimento de 310%. É o registro de um forte crescimento nos últimos anos no Rio Grande do Norte e confirmou esta tendência com o resultado das urnas deste domingo (15). Sob a liderança do deputado Ezequiel Ferreira, presidente da legenda no Estado, os tucanos conseguiram eleger 31 prefeitos, 25 vice-prefeitos e 244 vereadores. Os tucanos ficam como o partido que vai administrar o maior número de eleitores potiguares, pelos próximos quatro anos. Isso sem falar nos municípios onde elegeu vice-prefeitos e vereadores.

 

“O PSDB é uma legenda de importância nacional, que colabora com a nossa democracia e apresenta projetos capazes de melhorar a vida do nosso povo. Aqui, no RN, seguimos nessa mesma linha, com foco voltado a contribuir com o crescimento do Estado e dos nossos municípios. Nessa eleição o eleitor potiguar deu mais uma vez seu voto de confiança ao PSDB na expectativa de um futuro melhor”, afirmou Ezequiel, que também é presidente da Assembleia Legislativa.

 

Ao lado de Ezequiel, a atuação dos deputados estaduais Tomba Farias, Gustavo Carvalho, José Dias e Raimundo Fernandes, também tem sido decisiva para o fortalecimento do PSDB potiguar. É tanto que, nacionalmente, o Estado onde a legenda tem apresentado maior crescimento nos últimos anos é justamente no RN.

 

O grande destaque eleitoral do partido no Estado foi mesmo o resultado obtido em Natal. Na capital, o prefeito Álvaro Dias foi reeleito em primeiro turno com 56,58% dos votos. A administração do gestor tem tido altos índices de aprovação popular e é apontada pela cúpula da legenda como uma verdadeira vitrine do PSDB não apenas para o RN como também para o Nordeste.

 

Na região metropolitana, o PSDB também reelegeu o prefeito de Nísia Floresta, Daniel Marinho. Quem também renovou o mandato pelo partido foi Luis Eduardo, de Maxaranguape. A prefeita eleita Rossane Patriota foi a novidade do PSDB em Ielmo Marinho, Grande Natal. Ainda elegeu Joel Teles vice-prefeito de São José do Mipibu.

 

A legenda venceu ainda em municípios considerados importantes para o tabuleiro político do Estado, como Caicó, onde Dr. Tadeu, com apenas 28 anos é o prefeito mais jovem da sigla e do Estado. No Alto Oeste, Célio de Elizeu venceu em São Miguel. Na região da Costa Branca, as prefeitas Iraneide Rebouças (Areia Branca), Lidiane (Tibau) e Cinthia (Grossos) engrossam o caldo do PSDB na região.

 

O PSDB também venceu em Caraúbas, no Médio Oeste Potiguar com à reeleição de Juninho Alves. Na capital do Trairi, o prefeito Ivanildo Ferreira venceu com grande maioria em Santa Cruz. Também no Seridó, Dr. Tiago Almeida saiu vencedor do pleito. E em Jucurutu, o jovem Iogo Queiroz foi eleito neste domingo. Em Bom Jesus o excelente trabalho de Clécio Azevedo lhe garantiu a reeleição com 77,61% dos votos. Proporcionalmente foi do PSDB a maior vitória do Rio Grande do Norte.  O prefeito Fernando Teixeira foi reeleito com 87,80% da votação em Espírito Santo.

 

Confira abaixo a lista com todos os prefeitos eleitos pelo PSDB.

 

PSDB - 31

Álvaro Dias (Natal)

Dr. Tadeu (Caicó)

Ivanildinho (Santa Cruz)

Iraneide Rebouças (Areia Branca)

Daniel Marinho (Nísia Floresta)

Célio de Elizeu (São Miguel)

Dr. Tiago Almeida (Parelhas)

Juninho Alves (Caraúbas)

Iogo Queiroz (Jucurutu)

Dejinha (Pedro Velho)

Rossane de Germano (Ielmo Marinho)

Luis Eduardo (Maxaranguape)

Novinho (Cerro Corá)

Fernando Teixeira (Espírito Santo)

Joãozinho Furtado (Serra Caiada)

Cinthia Sonale (Grossos)

Clécio Azevedo (Bom Jesus)

Dr. Wellington (Boa Saúde)

Uady (Jaçanã)

Galo (Florânia)

Serginho (Serra Negra do Norte)

Pilola (Caiçara do Norte)

Miguel Cabral (São Pedro)

Dr. Raimundinho (José da Penha)

Fátima de Pachica (Coronel João Pessoa)

Maria Helena (Olho d'Água do Borges)

Lusimar Porfirio (São Francisco do Oeste)

Lidiane (Tibau)

Tiquinho (Ruy Barbosa)

Pedro Henrique (Pedra Grande)

Sonyara (Lagoa de Velhos)






Candidato a vereador divulga número errado e recebe apenas 30 votos em P...

PREFEITURA DO NATAL INICIA INSTALAÇÃO DA DECORAÇÃO NATALINA NESTA QUARTA

    RN-CIDADES.

 

Prefeitura do Natal inicia instalação da decoração natalina nesta quarta

 

A Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur) inicia, nesta quarta-feira (18), a implantação da Decoração Natalina de 2020. Em decorrência da crise que afeta todo o país, provocada pela pandemia de Covid-19, o projeto deste ano vai reutilizar as peças da decoração do ano passado, o que proporcionará aos cofres públicos municipais uma economia de mais de R$ 2 milhões.

 

Com o tema “Natal de vida e esperança”, a decoração do Natal em Natal será instalada em postes, árvores, canteiros centrais e fachadas de prédios públicos. Por toda a cidade, a população verá os enfeites em formato de anjos, estrelas, cometas e notas musicais. Também serão instalados túneis luminosos, bolas gigantes, cascatas de luz e painéis com temas natalinos. As peças terão tons variando entre dourado, prata, azul, vermelho, verde e branco.

 

“O natal é uma das datas mais importantes para a nossa sociedade. Ele nos lembra que é possível superar e quebrar barreiras. É uma data que nos dá esperança para continuar. Achamos importante que o cidadão encontre a esperança nas ruas através dessa decoração”, afirmou o titular da Semsur, Irapoã Nóbrega.

 

Duas empresas serão responsáveis pela decoração e iluminação das ruas de Natal este ano. Ambas foram definidas por meio de concorrência através de processo licitatório. O primeiro processo teve como empresa ganhadora a Ilumetech Construtora Ltda., que será responsável pela restauração, instalação, manutenção, remoção e guarda do acervo natalino. O custo deste contrato tem teto previsto em R$ 1.812.036,51.

 

Já o segundo processo licitatório, é voltado para as árvores de Natal (Mirassol, Panatis, Nélio Dias e Parque dos Coqueiros), Casinha do Papai Noel, Catedral, Pórtico dos Reis Magos, Três Reis Magos, Palácio Felipe Camarão, além das igrejas do circuito histórico de Natal (Nossa Senhora da Apresentação, Bom Jesus, do Galo, Nossa Senhora do Rosário dos Pretos) e do Instituto Histórico. O contrato também prevê a decoração das árvores da Área de Lazer do Panatis e das avenidas Prudente de Morais, Hermes da Fonseca, Campos Sales, Rodrigues Alves, Roberto Freire, Itapetinga e Paulistana. A Razão Produções e Eventos Eireli foi a empresa vencedora com custo de contrato em R$ 2.997.124,33.

 

Seguindo as orientações para a economia de gastos devido à pandemia da Covid-19, a Semsur definiu que todas as peças da decoração natalina deste ano serão reaproveitadas dos anos anteriores. Com isso, o município terá uma economia de R$ 2,2 milhões em relação ao ano de 2019, quando investiu R$ 7,1 milhões na decoração. “Apesar de a Semsur estar trabalhando para deixar a cidade iluminada, ainda foi preciso pensar em uma forma de conter gastos em decorrência da pandemia. A nossa estratégia foi reaproveitar as peças do ano passado, o que acabou gerando uma economia de mais de R$ 2 milhões”, destacou Irapoã Nóbrega.

 

 

Secretaria Municipal de Serviços Urbanos

Assessoria de Comunicação - 3232-9842

Hana Dourado - 98854-6925

Francisco Francerle - 98721-1202

MP ELEITORAL É FAVORÁVEL A INDEFERIMENTO DE REGISTRO DOS CANDIDATOS A PREFEITO MAIS VOTADOS EM GUAMARÉ E LAGOA SALGADA

 RN-POLITICA.

Pedidos se baseiam na impossibilidade de ocupação do cargo por mais de dois mandados consecutivos


O Ministério Público Eleitoral requereu o indeferimento do registro das candidaturas dos concorrentes mais votados às prefeituras de Guamaré, Hélio Willamy Miranda da Fonseca (Hélio de Mundinho), e Lagoa Salgada, Osivan Sávio Nascimento Queiroz. Ambas desrespeitaram a legislação eleitoral. Enquanto Osivan Queiroz estaria indo para o terceiro mandato sucessivo, no caso de Hélio de Mundinho já seria o quarto, embora a Constituição permita apenas dois.


Autor dos pareceres, o procurador regional Eleitoral, Ronaldo Sérgio Chaves Fernandes, reforça que o objetivo da norma consiste em evitar que haja a perpetuação de uma mesma pessoa ou grupo familiar na chefia do Poder Executivo e, nos dois casos, tal regra está sendo violada pelas candidaturas. A decisão agora cabe ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE/RN).


Lagoa – No entendimento da Procuradoria Regional Eleitoral, Osivan Queiroz se candidatou, na verdade, a um terceiro mandato sucessivo. Isso porque, além do atual iniciado em 2016, ele também exerceu o cargo de prefeito em parte do quadriênio anterior (mais exatamente entre 27 de junho e 21 de novembro de 2013), pois havia sido o segundo colocado nas eleições de 2012, porém o vencedor daquele pleito foi afastado do cargo por decisão judicial durante quase cinco meses, período no qual Osivan assumiu efetivamente a prefeitura.


Em primeira instância, o MP Eleitoral já havia defendido que a candidatura era ilegal, porém o juiz deferiu o registro e legendas adversárias ingressaram com recurso no TRE. Para o procurador, a situação é similar ao exercício dos chamados “mandatos tampões”, que embora não abranjam todo o período de quatro anos, só autorizam seus ocupantes a uma nova eleição sucessiva.


Ronaldo Chaves lembra ainda que, ao assumir em junho de 2013, a expectativa do político era de se manter até o final daquele mandato, o que teria ocorrido se a Justiça não revertesse a decisão de afastar o vencedor do pleito de 2012. “Diferente do substituto, que, já quando assume, sabe que o exercício do mandato será temporário, sem qualquer expectativa de permanência no cargo.”

Para o MP Eleitoral, ao ter assumido o cargo como titular Osivan Queiroz carrega consigo todos os efeitos legais dessa ação, dentre os quais a impossibilidade de se candidatar em 2020, após já ter sido eleito em 2016. Situação diferente, por exemplo, de presidentes de câmaras municipais que assumem o Executivo enquanto não se realizam novas eleições, ou de vice-prefeitos que substituem temporariamente o titular, antes dos seis meses finais do mandato.


Guamaré - No caso do município da Costa Branca potiguar, o MP Eleitoral enfatiza que, no pleito de 2016, a Justiça Eleitoral e o STF reconheceram que Hélio de Mundinho já estava desrespeitando a mesma regra legal. Isso porque ele foi eleito em 2012 (pro mandato de 2013 a 2016) e no quadriênio anterior seu cunhado havia exercido, ainda que por um breve período, a prefeitura.


Ainda assim, e apesar de ter seu registro de candidatura de 2016 indeferido em todas as instâncias eleitorais (e até mesmo no STF), Hélio de Mundinho assumiu a prefeitura e se manteve no cargo de janeiro de 2017 a outubro de 2018, com base em decisões cautelares, até ser definitivamente afastado. Para o procurador, não resta dúvida de se tratar de “inadmissível e até ‘surpreendente discussão’ acerca de possível exercício de ‘quarto mandato’ consecutivo de um mesmo grupo familiar, o que, obviamente, vai de encontro ao preceito constitucional”.


O registro da candidatura para estas eleições de 2020 já havia sido indeferido em primeira instância, apesar disso Hélio de Mundinho manteve a campanha e recebeu os votos por ter ingressado com recurso junto ao TRE. O entendimento em relação à disputa atual, aponta o MP, seria diferente se após ter seu registro indeferido em 2016 o político não tivesse assumido o cargo. No entanto, ele não só assumiu, como cumpriu quase metade do mandato.


Norma - De acordo com o parágrafo 5º do artigo 14 da Constituição Federal, o “Presidente da República, os Governadores de Estado e do Distrito Federal, os Prefeitos e quem os houver sucedido, ou substituído no curso dos mandatos poderão ser reeleitos para um único período subsequente.” E o parágrafo 7º desse mesmo artigo acrescenta que essa proibição não se resume ao próprio candidato, mas se estende ao cônjuge e aos parentes consanguíneos ou afins, até o segundo grau ou por adoção, o que inclui os cunhados.


MP Eleitoral - Ao contrário da Justiça Eleitoral que possui estrutura própria, o MP Eleitoral é um órgão híbrido com membros do Ministério Público Federal (procuradores da República) e dos MPs estaduais (promotores de Justiça). A Procuradoria Regional Eleitoral é um órgão do MPF, chefiada por um procurador da República, que coordena a atuação do MP Eleitoral nos estados, orientando os promotores atuantes nas zonas eleitorais, entre outras atividades. Nas eleições municipais, os promotores têm a atribuição originária, cabendo aos procuradores regionais Eleitorais atuarem na segunda instância (junto ao TRE).

http://www.mpf.mp.br/rn/sala-de-imprensa/noticias-rn/mp-eleitoral-e-favoravel-a-indeferimento-de-registro-dos-candidatos-a-prefeito-mais-votados-em-guamare-e-lagoa-salgada


Assessoria de Comunicação
Procuradoria da República no RN
Fones: (84) 3232-3901



segunda-feira, 16 de novembro de 2020

ÁLVARO DIAS É ELEITO PREFEITO DE NATAL

 RN — POLÍTICA



Álvaro dias (PSDB) foi eleito para mais um mandato à frente da prefeitura do natal neste domingo (15). com 100% das urnas apuradas, álvaro foi eleito com 194.764 votos (56,58%).

O segundo lugar ficou com Senador Jean (PT), com 49.494 votos; em terceiro ficou Delegado Leocádio do PSL (35.181 votos), seguido por Kelps Lima do Solidariedade (20.190 votos), Hermano Morais (PSB), com 11.626 votos, Coronel Hélio (PRTB), com 9.398 votos e Coronel Azevedo (PSC) com 6.530 votos.

Álvaro Dias assumiu a Prefeitura do Natal em abril de 2018, quando o então prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT) renunciou ao cargo para disputar o Governo do Estado.

CANDIDATO A VEREADOR É DETIDO POR DISTRIBUIR ‘SANTINHOS’ EM ACARI, RN

RN-POLITICA. 


Um candidato a vereador de Acari, na região Seridó do estado, foi conduzido à delegacia do município após ser flagrado distribuindo “santinhos” em um local de votação. O caso aconteceu por volta das 10h deste domingo (15), três horas após o início da votação. O homem foi identificado pela Polícia Civil, como Marlon Bezerra (PSB).

De acordo com a Polícia Militar, testemunhas afirmaram ter visto o próprio candidato jogando santinhos no chão e entregando material de campanha para eleitores que estavam nas filas das seções eleitorais.

“O material de campanha dele foi recolhido e o candidato levado para a delegacia da cidade, onde foi assinado um Termo Circunstanciado de Ocorrência”, informou o Sargento Emerson Santos, comandante do policiamento em Acari.

O candidato foi liberado em seguida. Ele não ficou preso e acompanhará em liberdade o andamento do processo. Jogar propaganda eleitoral no chão de vias próximas ao local de votação é considerado propaganda irregular. O candidato flagrado cometendo esse tipo de crime pode ter que pagar multa.

Caicó

Segundo o TRE-RN, a presidente da Câmara Municipal de Caicó, também no Seridó potiguar, Rosângela Maria (PR), também foi levada à delegacia com outra pessoa para esclarecimentos. Segundo a Polícia Militar, havia suspeitas de boca de urna.

G1/RN

CARNAÚBA DOS DANTAS ELEGE PRIMEIRA TRANS VEREADORA DO RN

     RN-POLITICA.

O município de Carnaúba dos Dantas elegeu Thabatta Pimenta como vereadora, a primeira mulher transexual eleita do Rio Grande do Norte.

Thabatta, que se tornará parlamentar do município, se candidatou pelo PROS e recebeu 267 votos, o suficiente para lhe garantir uma cadeira no legislativo municipal.

Em sua página no Instagram, Thabatta agradeceu os votos: “Obrigada, Carnaúba dos Dantas. Vocês acabam de eleger a primeira mulher trans vereadora do Rio Grande do Norte”, escreveu ela.

Tribuna do Norte



JINGLE DE ÓDIO DERROTOU PAULO BARRETO EM PENDÊNCIAS-RN

RN-POLITICA.

Paulo Barreto não conseguiu se eleger prefeito de Pendências-RN. O candidato petista alcança apenas 25% da votação válida.

Ele ficou famoso nacionalmente por causa de um jingle de ódio, muito criativo por sinal, com ataques (injúrias) a sua pessoa.

JAIR SAMPAI